2013 é o seu tempo,365 oportunidades te esperam!!!


“É claro, que eu não penso que já consegui isso. Porém uma coisa eu faço: esqueço aquilo que fica para trás e avanço para o que está na minha frente. Corro direto para a linha de chegada a fim de conseguir o prêmio da vitória. Esse prêmio é a nova vida para a qual Deus me chamou por meio de Cristo Jesus.” (Felipenses 3. 13-14)

Hoje me peguei pensando sobre a rapidez com que o ano passou, e me lembrei de uma poesia de Olavo Bilac, sobre “o tempo”. Ela diz:

Sou o tempo que passa, que passa, sem princípio, sem fim, sem medida!
Vou levando as vaidades da vida!
A correr, de segundo em segundo, Vou formando os minutos que correm…
Formo as horas que passam no mundo, Formo os anos que passam e morrem.
Ninguém pode evitar os meus danos…
Trabalhe porque a vida é pequena, E não há para o tempo demoras!
Não gaste os seus minutos sem pena! Não faça pouco caso das horas!

(O tempo, De Olavo Bilac)

A chegada desta época festiva traz para nós, muitas expectativas e esperanças de um tempo futuro melhor. As pessoas se cumprimentam desejando um feliz e PRÓSPERO ANO NOVO…Todos querem ter um ano melhor!

É certeza que o Ano Novo, é ocasião oportuna para que a gente possa falar de mudanças em várias áreas de nossas vidas. Sendo assim, que posicionamento devemos adotar para que o ANO NOVO seja de fato novo? Note a resposta esta lá no topo nos versos de Paulo aos felipenses, ou seja:
Não fique pensado apenas no passado; É para frente que se anda; Seja determinado, e tenha alvos definidos.

Éh! Temos que ter meta, propósito, disciplina e objetivo na vida! Na corrida da vida, é importante saber antecipadamente aonde desejamos chegar, e lutar para alcançar o alvo estabelecido.

A época de virada de ano é muito propícia a previsões esotéricas, aos tarôs, numerologias e profetismos. Muitos ficam excessivamente preocupados com o futuro, desejando saber o que irá acontecer… Não faça isto! Não se preocupe demais com futuro.

Pense em melhorar a sua qualidade de vida, hoje, com relação a Deus, a sua família e a sociedade. Valorize o seu tempo! 2013 é o seu tempo. 365 oportunidades te esperam!!!

É uma pequena fronteira, um espaço de apenas um segundo, que nos separa do fim de um ciclo e nos dá entrada para o início de outro, onde tudo é possível… BASTA VOCÊ QUERER!

Participe da vigília da virada no dia 31/12/12 as 22h, em um "Cenáculo do Espírito Santo" próximo de você e seja feliz em 2013. Se preferir participe com a gente à Escola Estadual João Solimeo,Estrada do Sabão , 1497, Vila Brasilândia, São Paulo.

Que Deus nos oriente,na Fé!

A Bíblia e a Sua Vida Profissional - Série Trabalho III


Quanto a vós outros, servos, obedecei a vosso senhor segundo a carne com temor e tremor, na sinceridade do vosso coração, como a Cristo,não servindo à vista, como para agradar a homens, mas como servos de Cristo, fazendo, de coração, a vontade de Deus;servindo de boa vontade, como ao Senhor e não como a homens,certos de que cada um, se fizer alguma coisa boa, receberá isso outra vez do Senhor, quer seja servo, quer livre.E vós, senhores, de igual modo procedei para com eles, deixando as ameaças, sabendo que o Senhor, tanto deles como vosso, está nos céus e que para com ele não há acepção de pessoas.(Efésios. 6.5-9)

Nos posts anteriores dessa série vimos que a influência da família no futuro profissional tinha um peso muito forte,no passado,que o elenco de profissões era menor,que a dinâmica da história era mais lenta e mais previsível,Hoje não se pode prever, por exemplo, que profissão remunerará bem nos anos próximos, mesmo porque pode surgir alguma que ainda não exista.

Mostramos que o trabalho é um espaço de sobrevivência financeira, de realização pessoal e de transformação da realidade.Sempre observando a instrução sobre o trabalho, em Efésios 6,onde o apóstolo Paulo orienta a pessoas, patrões e empregados, a como conviverem em seus empregos,vimos alguns cuidados,que deve ser levado em conta na escolha do emprego.

Observamos que no processo de escolha deve ser levado em conta o significado existencial e espiritual,considerando o presente, sem esquecer o futuro, que a escolha deve ser regida pelo princípio do prazer, associado ao princípio da realidade,deixando em equilíbrio duas possibilidades.

Em termos práticos, se as coisas estão claras, devemos fazer nossa escolha e trabalhar duro para leva-la adiante. Se as coisas não estão claras, e o horizonte da escolha nos parece obscuro, eis aí algumas sugestões.

a. Como Deus tem interesse no que lhe interessa, sobretudo no seu interesse profissional, ore sempre a Ele pedindo orientação. Não o deixe de fora na hora de escolher a carreira a seguir.

b. Envolva sua família na sua escolha. Não bata cabeça sozinho. Bata com mais alguém... Não despreze a experiência dos mais velhos, que já passaram pelas mesmas coisas que você passa.

c. Faça um teste vocacional. Ele pode não ser definitivo, mas será bastante orientativo.

d. Leia sobre profissões. Leia muito. Veja muito. Converse muito. Não tome decisões ligeiras. Duvide de suas escolhas no tempo de duvidar de suas escolhas.

e. Decida. Ore. Diga em frente, o que envolve ainda mais esforço, empenhe e estudo

Se você não vai bem na sua vida, por ter feito escolhas que o tempo mostrou não serem as melhores para a sua vida neste lugar e neste tempo, eis algumas sugestões:

a. Admita que fez uma escolha, a melhor na época da decisão, mas errada com o tempo. Não há problema nisto, desde que não fique apenas se culpando.

b. Peça orientação e vigor a Deus para este novo momento também.

c. Busque ajuda na família ou em especialistas. Leia bastante. Examine tudo, para não errar de novo, embora toda a mudança comporte riscos. Seja ousado e cauteloso, ao mesmo. Ponha em risco o que você pode pôr, não o que não pode.

d. Comece a mudar. Não mude de empregou a toda a hora, mas se concluiu que a sua não vai lhe levar aonde quer ir, comece a mudar. Fixe-se no que você agora quer. Faça um novo curso para se capacitar a uma nova ocupação.

e. Na hora certa para a mudança, ponha-se em marcha.

Se ainda está, com as coisas claras, a caminho de uma definição ou se já tomou a decisão, lembre-se de algumas atitudes:

a. Ponha sua escolha diante de Deus, para que a confirme ou negue. Esta é uma decisão muito importante para você a tomar sozinho. O trabalho é um meio de graça para nós. Só podemos superar a nós mesmos e a nossas famílias por meio do trabalho

b. Esforce desde já para conhecer a sua profissão. Não a comece totalmente cru. Leia tudo que puder. Há boas introduções para qualquer profissão. Assiste programas de televisão. Veja debates. Visite locais de trabalho. Leia tudo o que vier à sua mão. Saber não ocupa espaço. Vá-se inteirando do mundo das profissões, onde você vai passar grande parte da sua vida. Não pense na profissão como uma coisa só para o futuro; invista agora. Seja o melhor. Há lugar para os melhores.

c. O trabalho é algo digno. Jesus o dignificou na vida pessoal (ele e
era carpinteiro -- Marcos 6.3), ao viver e declarar: "Meu Pai continua trabalhando até hoje, e eu também estou trabalhando. (...) O Filho não pode fazer nada de si mesmo; só pode fazer o que vê o Pai fazer, porque o que o Pai faz o Filho também faz" (João 5.17, 19).

d. Testemunho no seu trabalho, não importa qual seja ele. Diferencie-se pela ética no trabalho e pela ética do trabalho.

d. Deixe um espaço para o voluntariado. Use seu conhecimento para ajudar outras pessoas na sua área profissional. Use seu tempo para ajudar outras pessoas, dentro e fora de sua área profissional. Lembre-se : você vive no ínterim: seu emprego final está na pátria celeste: por enquanto estamos indo para lá, lugar definitivo: enquanto estamos indo, sejamos os melhores aqui.

Sugiro que seja lido os três posts da "Série Trabalho".

Que Deus nos oriente,na Fé!

Texto adaptado origem: "O Prazer da Palavra"

A Escolha do Emprego - Série Trabalho II


"Quanto a vós outros, servos, obedecei a vosso senhor segundo a carne com temor e tremor, na sinceridade do vosso coração, como a Cristo,não servindo à vista, como para agradar a homens, mas como servos de Cristo, fazendo, de coração, a vontade de Deus;servindo de boa vontade, como ao Senhor e não como a homens,certos de que cada um, se fizer alguma coisa boa, receberá isso outra vez do Senhor, quer seja servo, quer livre.E vós, senhores, de igual modo procedei para com eles, deixando as ameaças, sabendo que o Senhor, tanto deles como vosso, está nos céus e que para com ele não há acepção de pessoas.(Efésios. 6.5-9)

Na postagem anterior mostramos que o trabalho é um espaço de sobrevivência financeira. O trabalho é um espaço de realização pessoal, pela interação que proporciona e pelas habilidades que permite desenvolver. O trabalho é um espaço de transformação da realidade.

Mostramos também que na instrução sobre o trabalho, em Efésios 6, o apóstolo Paulo orienta a pessoas, patrões e empregados, a como conviverem em seus empregos. Ele parte da realidade do emprego. Para chegarmos lá, precisamos falar da escolha do emprego.

Vamos ver então alguns cuidados,que deve ser levado em conta nessa escolha.

1. A escolha da profissão é um assunto de significado existencial e espiritual. Nossa realização como pessoas tem a ver com o acerto e com o erro nessa escolha. Não devemos tratar nossa escolha profissional apenas como uma questão de inteligência e de oportunidades. Precisamos de uma vida que não separe religião e vida. Tudo o que tem a ver com a vida tem a ver com Deus. Tudo o que nos importa Lhe importa.

2. A escolha da profissão tem que considerar o presente, sem esquecer o futuro. Assim, devemos estar atentos a todos os sinais do tempo, que podem vir de feiras, leituras de jornais, revistas e guias de emprego, programas de rádio ou televisão ou de portais eletrônicos. Devemos usar os recursos da imaginação bem informada para vermos cenários possíveis. A decisão deve ser racional. Há profissões em que a remuneração é mais baixa que outras; no futuro, na hora de reclamar, devemos nos lembrar que já sabíamos disto. Há ocupações que exigem alguns comportamentos dos profissionais, em relação ao tempo empregado e ao estresse envolvido, por exemplo. Uma vez ouvi de uma médica, casada, que escolheu determinada especialização, porque não demandava plantões, que ela não queria para a sua vida. Ela queria mesmo era ser obstetra, mas escolheu outra, porque sabia que a obstetrícia não sabe o que é noite, feriado ou férias longas. Precisamos nos expor a experiências diferentes.

3. A escolha da profissão deve ser regida pelo princípio do prazer, associado ao princípio da realidade. O princípio do prazer está na gênese; o da realidade, no meio e no fim do processo de escolha. Devemos prestar atenção para ver o que nos dá prazer. Uma boa maneira de saber de que gostávamos é notar o que não nos dá prazer. Se vemos sangue e nos horrorizamos, não devemos escolher profissões da área da saúde, por exemplo. Se detestamos matemática, a engenharia não nos é recomendável. Se não gostamos de conversar com pessoas, já sabemos que precisamos de uma profissão de pouco contato.

A diminuição de algumas possibilidades diminui a nossa tensão na escolha. Em todas as situações, precisamos estar atentos ao ideal profissional que temos com o real de que dispomos. E aqui introduzo o gosto por algumas áreas, como arte e esporte. Ilustro com um caso. Conheci um menino, excelente jogador de futebol, que começou a tentar vencer treinando em pequenos e grandes times. Chegou a um grande time, ainda amador, e se encantou. Seus pais e amigos diziam para que continuasse a estudar. Ele achou que iria vencer e ganhar muito dinheiro, sem precisar estudar. Não passou na peneira. Hoje é um jogador frustrado e não se fixou em nenhuma outra profissão.

No caso da arte, especialmente a música, há possibilidades, mas são poucas, porque a arte não é valorizada como deveria. Não se deve abandonar o prazer, nem o ideal, mas o ideal é que o interesse pela arte seja acompanhada, se for o caso, por alguma outra profissão, numa dupla e dura jornada. Alguns, quem sabe, poderão se dedicar só à arte, sabendo que o retorno financeiro é alto de risco. A peneira é muito fina. Vejamos os casos dos escritores brasileiros: quantos podem viver dos seus livros? Mesmo os maiores vivem do trabalho como jornalista ou colunista. A maioria dos livros publicados no Brasil não foi produzida por escritores de tempo integral, nem por isto deixaram de ser escritores e se realizarem como tais. Nem sempre devemos colocar todos os ovos apenas numa cesta.

4. A escolha da profissão deve deixar em equilíbrio duas possibilidades: a da realização pessoal e a realização espiritual. Este equilíbrio acontece quando o trabalho é desenvolvido com um sentido de missão. Para que e para quem fazemos o que fazemos?

José, do Egito, tinha uma visão clara a este respeito. Quando se revelou aos aterrorizados e covardes e aterrorizados irmãos, explicou porque chegou ao cargo de primeiro-ministro: "Agora, não se aflijam nem se recriminem por terem me vendido para cá, pois foi para salvar vidas que Deus me enviou adiante de vocês. (...) Deus me enviou à frente de vocês para lhes preservar um remanescente nesta terra e para salvar-lhes a vida com grande livramento. Assim, não foram vocês que me mandaram para cá, mas sim o próprio Deus. Ele me tornou ministro do faraó e me fez administrador de todo o palácio e governador de todo o Egito. Voltem depressa a meu pai e digam-lhe: Assim diz o seu filho José: Deus me fez senhor de todo o Egito. Vem para cá, não te demores" (Gênesis 45.5-9)

Numa hora de grande dificuldade, Mardoqueu aconselhou à rainha Ester, com palavras que se aplicam a todo aquele que vive para Deus, mesmo num ambiente em que a palavra "Deus" não deve ser pronunciada ou num ambiente dominado por uma racionalidade totalmente econômica ou tecnológica: " Não pense que pelo fato de estar no palácio do rei, você será a única entre os judeus que escapará, pois, se você ficar calada nesta hora, socorro e livramento surgirão de outra parte para os judeus, mas você e a família do seu pai morrerão. Quem sabe se não foi para um momento como este que você chegou à posição de rainha?" (Éster 4.13-14).

Paulo, ao fazer um resumo de sua carreira, concluiu: "Todavia, não me importo, nem considero a minha vida de valor algum para mim mesmo, se tão-somente puder terminar a corrida e completar o ministério que o Senhor Jesus me confiou, de testemunhar do evangelho da graça de Deus. Atos 20.24) O que ele queria mesmo era dizer, ao final de sua vida: "Combati o bom combate, terminei a corrida [carreira -- ARA], guardei a fé. Agora me está reservada a coroa da justiça, que o Senhor, justo Juiz, me dará naquele dia; e não somente a mim, mas também a todos os que amam a sua vinda" (2 Timóteo 4.7-8).

5. Em termos práticos, se as coisas estão claras, devemos fazer nossa escolha e trabalhar duro para leva-la adiante. Se as coisas não estão claras, e o horizonte da escolha nos parece obscuro, no próximo post apresentaremos algumas sugestões.

Sugiro que seja lido os três posts da "Série Trabalho".

Que Deus nos oriente,na Fé!!


Texto adaptado origem: "O Prazer da Palavra"

A Bíblia na Escolha Profissional - Série Trabalho I

Quanto a vós outros, servos, obedecei a vosso senhor segundo a carne com temor e tremor, na sinceridade do vosso coração, como a Cristo,não servindo à vista, como para agradar a homens, mas como servos de Cristo, fazendo, de coração, a vontade de Deus;servindo de boa vontade, como ao Senhor e não como a homens,certos de que cada um, se fizer alguma coisa boa, receberá isso outra vez do Senhor, quer seja servo, quer livre.E vós, senhores, de igual modo procedei para com eles, deixando as ameaças, sabendo que o Senhor, tanto deles como vosso, está nos céus e que para com ele não há acepção de pessoas.(Efésios. 6.5-9)

No passado, a família no futuro profissional tinha um peso muito forte, às vezes decisivo, na escolha. Hoje a escolha é de natureza mais pessoal, ouvindo-se ou não a família. Muitas vezes há conflito. O jovem tende a escolher pelo princípio do prazer. O adulto tende a pensar em termos de remuneração.

No passado, o elenco de profissões era menor. Em termos de ocupações de nível superior, eram poucas as possibilidades, comparadas às de hoje, que podem ser enumeradas aos milhares, se consideramos as especializações. Vejamos o caso da engenharia, da medicina e da comunicação, por exemplo. O jovem pode ficar confuso, com tantas possibilidades.

No passado, a dinâmica da história era mais lenta e mais previsível. Hoje não se pode prever, por exemplo, que profissão remunerará bem nos anos próximos, mesmo porque pode surgir alguma que ainda não exista. Quem há há alguns anos, por exemplo, imaginou que haveria uma profissão como webmaster? Quem imaginou que haveria algo como comércio eletrônico, que movimenta R$ 10 bilhões por ano no Brasil, dobrando a cada dois anos?

Há dois outros elementos complicadores.
O primeiro é que a escolha profissional se dá num momento pessoal de auto-conhecimento e de auto-definição. Ao mesmo tempo em que se define como pessoa, a pessoa tem que definir a sua profissão. Não é fácil.
O segundo é para o cristão que ouve que a sua profissão deve glorificar a Deus e proclamar o seu Reino. Como é isto possível? Como isto deve ser tornado possível? Não é fácil para um cristão escolher a sua profissão, tendo mais este critério, entre tantos outros.

Tenhamos sempre em mente que o trabalho é um espaço de sobrevivência financeira. O trabalho é um espaço de realização pessoal, pela interação que proporciona e pelas habilidades que permite desenvolver. O trabalho é um espaço de transformação da realidade.

Na instrução sobre o trabalho, em Efésios 6, o apóstolo Paulo orienta a pessoas, patrões e empregados, a como conviverem em seus empregos. Ele parte da realidade do emprego. Para chegarmos lá, precisamos falar da escolha do emprego.

No próximo post sugiro alguns cuidados nessa escolha.
As próximas posts estarão disponíveis nos dias 6 e 13 de Dezembro completando a Série Trabalho. Sugiro que seja lido os três posts da "Série Trabalho".

Que Deus nos oriente,na Fé!

Texto adaptado origem: "O Prazer da Palavra"

A REALIDADE DE UM CASAMENTO,aos casados e aos que vão se casar

"Porque o Senhor foi testemunha da aliança entre ti e a mulher da tua mocidade..." (Malaquias 2:14). "Portanto, o que Deus ajuntou não o separe o homem" (Mateus 19:6). "Maridos, vós, igualmente, vivei a vida comum do lar, com discernimento...para que não se interrompam as vossas orações" (1 Pedro 3:7).

Naquela noite, enquanto minha esposa servia o jantar, eu segurei sua mão e disse: "Tenho algo importante para te dizer". Ela se sentou e jantou sem dizer uma palavra. Pude ver sofrimento em seus olhos. De repente, eu também fiquei sem palavras. No entanto, eu tinha que dizer a ela o que estava pensando. Eu queria o divórcio. E abordei o assunto calmamente. Ela não parecia irritada pelas minhas palavras e simplesmente perguntou em voz baixa: "Por quê?" Eu evitei respondê-la, o que a deixou muito brava. Ela jogou os talheres longe e gritou "você não é homem!" Naquela noite, nós não conversamos mais.

Pude ouví-la chorando. Eu sabia que ela queria um motivo para o fim do nosso casamento. Mas eu não tinha uma resposta satisfatória para esta pergunta. O meu coração não pertencia a ela mais e sim a Jane. Eu simplesmente não a amava mais, sentia pena dela.

Me sentindo muito culpado, rascunhei um acordo de divórcio, deixando para ela a casa, nosso carro e 30% das ações da minha empresa. Ela tomou o papel da minha mão e o rasgou violentamente. A mulher com quem vivi pelos últimos 10 anos se tornou uma estranha para mim. Eu fiquei com dó deste desperdício de tempo e energia, mas eu não voltaria atrás do que disse, pois amava a Jane profundamente. Finalmente ela começou a chorar alto na minha frente, o que já era esperado. Eu me senti libertado enquanto ela chorava. A minha obsessão por divórcio nas últimas semanas finalmente se materializava e o fim estava mais perto agora.

No dia seguinte, eu cheguei em casa tarde e a encontrei sentada na mesa escrevendo. Eu não jantei, fui direto para a cama e dormi imediatamente, pois estava cansado depois de ter passado o dia com a Jane.

Quando acordei no meio da noite, ela ainda estava sentada à mesa, escrevendo. Eu a ignorei e voltei a dormir. Na manhã seguinte, ela me apresentou suas condições: ela não queria nada meu, mas pedia um mês de prazo para conceder o divórcio. Ela pediu que durante os próximos 30 dias a gente tentasse viver juntos de forma mais natural possivel. As suas razões eram simples: o nosso filho faria seus exames no próximo mês e precisava de um ambiente propício para prepar-se bem, sem os problemas de ter que lidar com o rompimento de seus pais. Isso me pareceu razoável, mas ela acrescentou algo mais. Ela me lembrou do momento em que eu a carreguei para dentro da nossa casa no dia em que nos casamos e me pediu que durante os próximos 30 dias eu a carregasse para fora da casa todas as manhãs. Eu então percebi que ela estava completamente louca mas aceitei sua proposta para não tornar meus próximos dias ainda mais intoleráveis.

Eu contei para a Jane sobre o pedido da minha esposa e ela riu muito e achou a idéia totalmente absurda. "Ela pensa que impondo condições assim vai mudar alguma coisa; melhor ela encarar a situação e aceitar o divórcio" ,disse Jane em tom de gozação.

Minha esposa e eu não tínhamos nenhum contato físico havia muito tempo, então quando eu a carreguei para fora da casa no primeiro dia, foi totalmente estranho. Nosso filho nos aplaudiu dizendo "O papai está carregando a mamãe no colo!" Suas palavras me causaram constrangimento. Do quarto para a sala, da sala para a porta de entrada da casa, eu devo ter caminhado uns 10 metros carregando minha esposa no colo. Ela fechou os olhos e disse baixinho "Não conte para o nosso filho sobre o divórcio" Eu balancei a cabeça mesmo discordando e então a coloquei no chão assim que atravessamos a porta de entrada da casa. Ela foi pegar o ônibus para o trabalho e eu dirigi para o escritório.

No segundo dia, foi mais fácil para nós dois. Ela se apoiou no meu peito, eu senti o cheiro do perfume que ela usava. Eu então percebi que há muito tempo não prestava atenção a essa mulher. Ela certamente tinha envelhecido nestes últimos 10 anos, havia rugas no seu rosto, seu cabelo estava ficando fino e grisalho. O nosso casamento teve muito impacto nela. Por uns segundos, cheguei a pensar no que havia feito para ela estar neste estado.
No quarto dia, quando eu a levantei, senti uma certa intimidade maior com o corpo dela. Esta mulher havia dedicado 10 anos da vida dela a mim.
No quinto dia, a mesma coisa. Eu não disse nada a Jane, mas ficava a cada dia mais fácil carregá-la do nosso quarto à porta da casa. Talvez meus músculos estejam mais firmes com o exercício, pensei.

Certa manhã, ela estava tentando escolher um vestido. Ela experimentou uma série deles mas não conseguia achar um que servisse. Com um suspiro, ela disse "Todos os meus vestidos estão grandes para mim". Eu então percebi que ela realmente havia emagrecido bastante, daí a facilidade em carregá-la nos últimos dias. A realidade caiu sobre mim com uma ponta de remorso... ela carrega tanta dor e tristeza em seu coração...

Instintivamente, eu estiquei o braço e toquei seus cabelos. Nosso filho entrou no quarto neste momento e disse "Pai, está na hora de você carregar a mamãe". Para ele, ver seu pai carregando sua mãe todas as manhãs tornou-se parte da rotina da casa. Minha esposa abraçou nosso filho e o segurou em seus braços por alguns longos segundos. Eu tive que sair de perto, temendo mudar de idéia agora que estava tão perto do meu objetivo.

Em seguida, eu a carreguei em meus braços, do quarto para a sala, da sala para a porta de entrada da casa. Sua mão repousava em meu pescoço. Eu a segurei firme contra o meu corpo. Lembrei-me do dia do nosso casamento. Mas o seu corpo tão magro me deixou triste. No último dia, quando eu a segurei em meus braços, por algum motivo não conseguia mover minhas pernas. Nosso filho já tinha ido para a escola e me vi pronunciando estas palavras: "Eu não percebi o quanto perdemos a nossa intimidade com o tempo".

Eu não consegui dirigir para o trabalho... fui até o meu novo futuro endereço, saí do carro apressadamente, com medo de mudar de idéia... Subi as escadas e bati na porta do quarto. A Jane abriu a porta e eu disse a ela "Desculpe, Jane. Eu não quero mais me divorciar". Ela olhou para mim sem acreditar e tocou na minha testa "Você está com febre?" Eu tirei sua mão da minha testa e repeti "Desculpe, Jane. Eu não vou me divorciar. Meu casamento ficou chato porque nós não soubemos valorizar os pequenos detalhes da nossa vida e não por falta de amor. Agora eu percebi que desde o dia em que carreguei minha esposa no dia do nosso casamento para nossa casa, eu devo segurá-la até que a morte nos separe."

A Jane então percebeu que era sério. Me deu um tapa no rosto, bateu a porta na minha cara e pude ouví-la chorando compulsivamente. Eu voltei para o carro e fui trabalhar.

Na loja de flores, no caminho de volta para casa, eu comprei um buquê de rosas para minha esposa. A atendente me perguntou o que eu gostaria de escrever no cartão. Eu sorri e escrevi: "Eu te carregarei em meus braços todas as manhãs até que a morte nos separe".

Naquela noite, quando cheguei em casa, com um buquê de flores na mão e um grande sorriso no rosto, fui direto para o nosso quarto onde encontrei minha esposa deitada na cama - morta.

Minha esposa estava com câncer e vinha se tratando a vários meses, mas eu estava muito ocupado com a amante para perceber que havia algo errado com ela. Ela sabia que morreria em breve e quis poupar nosso filho dos efeitos de um divórcio - e prolongou a nossa vida juntos proporcionando ao nosso filho a imagem de nós dois juntos toda manhã. Pelo menos aos olhos do meu filho, eu sou um marido carinhoso.

Os pequenos detalhes de nossa vida são o que realmente contam num relacionamento. Não é a mansão, o carro, as propriedades, o dinheiro no banco. Estes bens criam um ambiente propício a felicidade mas não proporcionam mais do que conforto. Portanto, encontre tempo para ser amigo de sua esposa, faça pequenas coisas um para o outro para mantê-los próximos e íntimos.

"Portanto, alegre-se com a sua mulher, seja feliz com a moça com quem você casou, amorosa como uma corça, gazela graciosa. Que ela cerque você com o seu amor, saciem-te os seus seios em todo o tempo e que os seus encantos sempre o façam feliz!" (Prov. 5. 18-19)

O casamento é uma das ricas bênçãos preparadas para nós pelo benevolente Criador. Quando seguimos o plano dele, gozamos das maravilhas do amor e da segurança nesta vida, e a expectativa de um lar perfeito na eternidade

Que Deus nos oriente,na Fé!

Aniversário do Blog

À 3 anos o "JESUS SEM HERESIAS" é uma opção de fé na rede.
Longe de querer pregar uma religião. No "JESUS SEM HERESIAS" você encontra textos,mensagens que edificam à fé consciente e inteligentemente,mostramos JESUS sem ditar regras e preceitos de homens,sem doutrinas opostas aos dogmas do evangelho pleno,sem disparate,sem absurdos.

Sabemos que não é bom "..seguir varias doutrinas e ensinamentos diferentes...É bom ser espiritualmente forte ..."(Hb.13.9)

Agora porque JESUS SEM HERESIAS?

Durante esses três anos de existência do Blog tenho ouvido e recebido por e-mail esse tipo de questionamento. Então para lucidar as duvidas vamos primeiro entender o que é heresias.

A palavra grega (hairesis), que literalmente significa "escolha", é usada no Novo Testamento para designar uma seita ou facção, Por exemplo, os saduceus eram uma seita dentro do Judaísmo (Atos 5:17), assim como eram os fariseus (15:5).

Daí entedemos que heresia é qualquer ensino que se afasta dos ensinamentos normais de uma tradução religiosa. Em particular, isto se refere a grupos dentro do Cristianismo que ignoram alguns de seus elementos básicos.

A palavra "heresia" veio a significar o ensino particular que causava a separação do Cristianismo. Assim, Pedro exortava os cristãos sobre vários falsos mestres que tentariam demover os fiéis com seus ensinos heréticos (2Pedro 2:1).

Agora que entendemos heresias devemos entender os dogmas do evangelho ou seja,a sã doutrina que nada tem haver com normas e costumes tradicionais,impostos pelas religiões.O que vamos ver a partir de agora é o que realmente DEUS cobra da sua igreja e do seu povo. Veremos que é muito mais do que normas e costumes,é a sã doutrina! Que não se baseia em heresias.

O Apostolo escrevendo aos colossenses no cap.2 a partir do verso.8 enfatiza que fomos circuncidados por CRISTO e não por mãos de homens,então fomos ressurretos por ELE para viver para ELE,e não para as ordenanças dos homens e religiosos. veja os versos.16-23 de Colossenses,ele diz ninguém vos julgue ninguém se faça arbitro.

Logo no cap. 3 já a partir do verso 1 ele nos exorta a buscar as coisas lá do alto, seque no verso 5 pedindo,para sepultarmos a nossa natureza terrena,fazendo então com que haja uma mudança interior,que pode ser vista até no falar veja o verso 8 e 9 de Colossenses 3.

Depois ele nos adverte a cultivar as virtudes ensina os deveres familiares,como submissão da mulher ao homem,o amor do marido a sua esposa,a obediência dos filhos aos pais e até o trabalhador a trabalhar para o seu patrão,como se o fizesse ao próprio DEUS, também aos patroes a tratar seus colaboradores como se a DEUS fizesse veja os versos 18 até o 25,tudo isto em Col.2 e 3.

Nas cartas à Timóteo o Apostolo fala com vigor sobre a sã doutrina deixando claro que as leis não são para os justos e sim para os injustos (1Tm.1.4-10).
No cap. 2 de 1Tm ele ressalta que DEUS quer salvar a todos veja versos 3 até o 10.
No cap. 6 do mesmo livro o Apostolo diz:"não deis créditos a quem não traz consigo a sã doutrina" veja os versos 1 ao 5.

Na carta aos hebreus o Apostolo nos adverte"a não seguir varias doutrinas e ensinamentos diferentes...É bom ser espiritualmente forte por meio da graça e não por regras..."(Hb.13.9).

Conclusão!
A quase três anos O "JESUS SEM HERESIAS" é uma opção dessa fé na rede.

http://jesussemheresias.blogspot.com.br/
Desde: 24 DE NOVEMBRO 2009
278 postagens
91 videos
134 seguidores
86 pessoas curtiram JESUS SEM HERESIAS no Facebook
208573 visualizações de página

Obrigado pessoal! Me ajudem a divulgar JESUS SEM HERESIAS curtam,sigam,compartilhe,divulguem!

Que Deus nos oriente,na Fé!

Célebres Frases cristãs da história


“Acho impossível que um indivíduo contemplando o céu possa dizer que não existe um Criador.”
– Abraham Lincoln (1809-1865), presidente dos Estados Unidos (foto acima).

“Os quatro Evangelhos, todos eles, dão-nos o retrato de uma personalidade muito definida, obrigando-nos a dizer: ‘Esse homem existiu. Isso não pode ser inventado.’”
– H. G. Wells (1866-1946), escritor de ficção científica (“A Guerra dos Mundos”, “A Máquina do Tempo”), em alusão a Jesus.

“Achar que o mundo não tem um criador é o mesmo que afirmar que um dicionário é o resultado de uma explosão numa tipografia.”
– Benjamin Franklin (1706-1790), estadista, cientista, inventor, editor de livros, tipógrafo e jornalista, entre outras várias ocupações. Uma das mentes mais notáveis da história (ilustrado à direita).

“Nunca oro suplicando cargas mais leves, mas ombros mais fortes.”
Phillips Brooks (1835-1893), pregador e escritor estadunidense.

“É melhor investir 15 ou 20 dólares hoje comprando uma Bíblia, do que gastar 100 ou 150 dólares por hora no escritório de um psiquiatra amanhã.”
Andrew Young (1932), político, diplomata, ativista e pastor norte-americano, colaborador de Martin Luther King.

“Se eu a coloco abaixo de todos os livros, ela é a que mantém todos eles. Se eu a coloco no meio dos outros livros, ela é o coração deles. E se eu a coloco em cima dos outros livros, ela é a cabeça e autoridade de todos em minha biblioteca.”
– Ruy Barbosa (1849-1923), jurista, político, diplomata, escritor, filólogo, tradutor e orador brasileiro (foto à esquerda), falando sobre a Bíblia.

“Deus lhe deu um presente de 86,4 mil segundos hoje. Você usou pelo menos 1 deles para dizer ‘obrigado’?”
William Arthur Ward (1921-1994) – militar, administrador, escritor, pastor e educador estadunidense.

“Eu estava fazendo uma revolução à força, usando a guerra. Mas, lendo as páginas deste livro (a Bíblia) descobri que Cristo fez uma revolução muito maior do que eu. Sem violência e destruição, fez a revolução do amor e da liberdade espiritual mediante o sangue na cruz.”
– Napoleão Bonaparte (1769-1821), imperador francês (pintura à direita) que conquistou boa parte da Europa.

“Eu segurei muitas coisas em minhas mãos, e perdi tudo. Porém, tudo que coloquei nas mãos de Deus eu ainda possuo.”
Martin Luther King (1929-1968), pastor e ativista norte-americano, um dos mais importantes líderes do movimento dos direitos civis da população negra nos Estados Unidos e no mundo.

“Há dois tipos de pessoas: as que têm medo de perder Deus e as que têm medo de encontrá-Lo.” – Blaise Pascal (1623-1662), físico, matemático, filósofo moralista e teólogo francês.

“Do meu telescópio, eu via Deus caminhar! A maravilha, a harmonia e a organização do universo só pode ter se efetuado conforme um plano de um ser todo-poderoso e onisciente.”
– Sir Isaac Newton (1643-1727), físico, matemático, astrônomo, filósofo e teólogo (selo à esquerda) que descreveu a Lei da Gravitação Universal e as Três Leis de Newton, que fundamentaram a mecânica clássica.

“Amar alguém significa ver essa pessoa como Deus a concebeu.”
– Fiodor Dostoievsky (1821-1881), escritor russo (“Crime e Castigo”, “Os Irmãos Karamazov”).

“Homens de verdade vivem para Cristo.”
– Chuck Norris (1940) ator, empresário e ex-lutador norte-americano de artes marciais, famoso por filmes de ação oitentistas como “Comando Delta”, "Braddock" e pelo recente “Os Mercenários 2” (foto ao lado).

“Olhe para você, e você vai encontrar em toda a longa jornada de sua vida apenas ódio, solidão, desespero, ruína e decadência. Mas olhe para Cristo e você vai encontrá-Lo, e com Ele tudo o que mais você necessita.”
– C. S. Lewis (1898-1963), educador, teólogo, poeta e escritor irlandês, autor da grande saga “As Crônicas de Nárnia”.

“A busca pela excelência também é uma maneira de louvar a Deus.”
– Francis A. Schaeffer (1912-1984), pastor, teólogo e filósofo dos Estados Unidos.

“Deus está em toda parte. Entretanto, o homem somente O encontra onde O busca.”
– Antigo texto judaico anônimo.

Fonte: Arca Universal

Que Deus nos oriente,na Fé!

O Dia do Protestante e os princípios fundamentais da Reforma

31 de outubro - Dia do Protestante

Há 495 anos esse dia marca o início da Reforma Protestante, promovida por Martinho Lutero e que aconteceu em 1517. O ex-monge Agostino se opôs à venda de indulgências, documentos assinados pelo papa Leão X que garantiam o perdão dos pecados e um lote no céu. A venda de indulgências era promovida pela Igreja Católica do século XVI. Os revolucionários tinham como objetivo o retorno à doutrina e práticas cristãs originais. Para tanto, em 31 de outubro de 1517, Lutero fixou na porta da igreja do castelo de Wittemberg, na Alemanha, 95 teses que pregavam o "retorno às origens do Cristianismo primitivo e da prática sincera e devocional da Palavra de Deus".

“Nenhum aspecto da vida humana ficou intacto, pois abrangeu transformações políticas, econômicas, religiosas, morais, filosóficas, literárias e nas instituições. Foi, de fato, uma revolta e uma reconstrução do norte”, afirma o escritor Eby Frederick.

Na educação, os impactos foram determinantes. Na Idade Média, a igreja era a única responsável pela organização e manutenção da educação escolar. A partir do século 16, surgiram as nações-estados, que se opuseram ao poderio universal do papa e formou-se a classe média.

O historiador e professor da Faculdade de Teologia Metodista, Rev. José Carlos de Souza, explica que o comércio, a atividade pública e as próprias igrejas, entre muitos outros setores, possuíam demandas que requeriam cuidadoso preparo. Toda mudança social traz novos desafios.

“Certamente, por essa razão, Lutero sentiu-se impelido para falar e se pronunciou de modo enfático sobre a necessidade das autoridades civis investirem na educação”, avalia o professor.

Neste contexto, os movimentos da Renascença e da Reforma são precursores de profundas mudanças na concepção de ensino. “A educação começa a visar de modo claro e definido à formação integral do homem, o seu desenvolvimento intelectual, moral e físico”, conta o professor Ruy Afonso da Costa Nunes.

As principais doutrinas defendidas por Lutero


a) Justificação pela fé. Baseado nos ensinos de Paulo, ele ensinava que o homem não é justificado pelas suas obras, mas pela fé em Jesus Cristo.

b) A infalibilidade da Bíblia. Ele considerava a Bíblia infalível e acima de toda e qualquer tradição religiosa. Enquanto a Igreja Católica Romana defendia a ideia de que o papa era infalível e a Bíblia era sujeita à sua interpretação, Lutero afirmava que A Bíblia estava acima do papa, pois ela é a Palavra de Deus inspirada pelo Espírito Santo.

c) Sacerdócio de todos os crentes. Lutero negava o conceito que afirmava ter o papa poderes sobrenaturais como intermediário entre o povo e Deus. Ele defendia a ideia de que todo crente é um sacerdote e tem livre acesso à presença de Deus. Não precisamos de um intermediário, o único intermediário entre o homem e Deus é o Senhor Jesus Cristo.

Os princípios fundamentais da Reforma

a) Supremacia das Escrituras sobre a tradição.

b) A supremacia da fé sobre as obras.

c) A supremacia do povo sobre o sacerdócio exclusivo.


Lutero foi vitorioso?

Sim. Apesar das tentativas para condenarem Lutero, o papa e o Imperador Carlos V não conseguiram. Quando foi convocado a comparecer ao concílio diante do imperador, ele expressou-se destemidamente da seguinte forma: "É impossível retratar-me, a não ser que me provem que estou laborando em erro, pelo testemunho das Escrituras ou por uma razão evidente. Não posso confiar nas decisões de concílios e de Papas, pois é evidente que eles não somente têm errado, mas se têm contraditado uns aos outros. Minha consciência está alicerçada na Palavra de Deus. Assim Deus me ajude. Amém".

Infelizmente, a igreja se desviou dos princípios de Lutero.

Os ideais de Martinho Lutero, deu origem as igrejas protestantes, hoje conhecidas como Igrejas Evangélicas.

No Brasil, o protestantismo foi trazido pelos holandeses entre os anos de 1624 e 1625, tendo sido propagado principalmente entre os índios. Pesquisas recentes mostram o crescimento do protestantismo no Brasil: em 1970, o Censo do IBGE registrava cerca de 4,8 milhões de evangélicos; em 1980, 7,9 milhões; em 1991, 13,7 milhões; em 2000, 26,1 milhões. Segundo o IBGE, se esse crescimento se mantiver estável ao longo dos anos, no ano de 2020, metade da população brasileira será evangélica.

Sabe-se que existe atualmente cerca de 593 milhões de protestantes no mundo. O país mais protestante do mundo é os Estados Unidos da América, com quase 163 milhões de protestantes.

E hoje, a Igreja Universal do Reino de Deus é um simbolo dessa Fé. Fé que salva, Fé que liberta, Fé que cura, Fé que prospera, Fé que transforma. E a cada dia rompendo em Fé.

Que Deus nos oriente,na Fé!

Com informações de RCM e IPRB adaptamos esse texto.

Como desenvolver a humildade?

A arrogância impede a salvação

O orgulho é absolutamente oposto às qualidades e comportamentos que Deus quer que demonstremos. Aqueles que são arrogantes e egoístas querem ser servidos, e não servir. Os orgulhosos querem ser chefes e cobiçam a posição e a influência de outros.Este foi o problema que Arão e Miriã tiveram em Números 12, e o mesmo pecado que custou as vidas de quase 15.000 pessoas, em Números 16.

O homem orgulhoso pensa que já conhece as respostas, e não quer depender de quem quer que seja, nem mesmo do próprio Deus. A arrogância também impede nosso entendimento da verdade. Se não queremos admitir a necessidade de mudança, ou não queremos aceitar o fato que alguma outra pessoa sabe mais do que nós, nosso orgulho será um bloqueio fatal para o estudo eficaz da Bíblia.

Sem humildade, não reconheceremos nossos próprios defeitos. Somos até capazes de enganar nossos próprios corações para não vermos nosso próprio pecado. Saul fez isto quando defendeu sua desobediência na batalha contra os amalequitas. Ele argumentou que tinha obedecido o Senhor e que o povo tinha errado (1 Samuel 15:20-21). Deus não aceitou esta desculpa esfarrapada, e não aceita a nossa.

Um outro problema relacionado com a arrogância é a dificuldade em aceitar a correção. Provérbios 15:31-33 mostra a conseqüência de tal orgulho: "Os ouvidos que atendem à repreensão salutar no meio dos sábios têm a sua morada. O que rejeita a disciplina menospreza a sua alma, porém o que atende à repreensão adquire entendimento. O temor do Senhor é a instrução da sabedoria, e a humildade precede a honra." Provérbios 12:1 é mais direto: "Quem ama a disciplina ama o conhecimento, mas o que aborrece a repreensão é estúpido."

O outro lado deste problema é que a pessoa arrogante também não perdoa o erro dos outros. O orgulho é inerentemente egoísta, e nos torna facilmente ofendidos e lentos a perdoar. Isto cria uma tremenda barreira para a salvação. Jesus ensinou claramente que a pessoa que não perdoa não será perdoada por Deus (Mateus 6:12,14-15).

A última linha é muito clara. Se não aprendemos como ser humildes, não entraremos no céu. Deus rejeita os orgulhosos e exalta os humildes (Tiago 4:6,10).

A humildade é fundamental para nossa comunhão com Deus.
"Bem aventurados os humildes de espírito, porque deles é o reino dos céus" (Mateus 5:3).

Como desenvolver a humildade?

"Humilhem-se diante do Senhor, e ele os colocará numa posição de honra" (Tiago 4:10)

A humildade é essencial à nossa salvação, deveremos estar preocupados em acrescentar esta qualidade a nossas vidas. Mas como desenvolver isso? Sugestões simples nos ajudam:

Devemos procurar o melhor nos outros, e buscar servir os outros como Jesus (Romanos 12:10; Efésios 4:2-3; Filipenses 2:3-4).

Não devemos pensar que somos importantes (Lucas 17:10). Cada um deve usar sua capacidade, porém não devemos pensar que somos melhores do que outros (Romanos 12:3-8).

Não devemos esperar que outros nos humilhem. A chave da obediência é nossa humildade voluntária (Tiago 4:10), não a humilhação forçada.

Sempre que estivermos tentados a pensar que somos grandes e importantes, devemos parar para contemplar a grandeza e a majestade de Deus. Comparados com o Criador e Sustentador do Universo, somos débeis e insignificantes. O Salmo 8, especialmente nos versículos 3, 4 e 10, nos faz descer ao nosso tamanho rapidamente!


Que Deus nos oriente,na Fé!

Comportamento adulto na fase infantil é influenciado pelos pais

"Quando eu era menino, falava como menino, sentia como menino, pensava como menino; quando cheguei a ser homem, desisti das coisas próprias de menino. Porque, agora, vemos como em espelho,obscuramente; então, veremos face a face. Agora conheço em parte; então conhecerei como também sou conhecido". ( I Co 13.11-12)

Criança sensual tem influência direta dos pais

O que mais vemos nos dias de hoje são crianças, de até mesmo três anos, que já se vestem como “microadultos”. São saias curtas, maquiagem, tops, meias rendadas que fazem parte do figurino das pequenas. O problema disso tudo é que os pais são os que mais acham graça em ver seus filhos se vestindo e agindo como adultos.

Para a psicóloga Débora Cristina de Macedo Jorge, isso acontece porque os pais transferem para seus filhos a maneira como gostariam de ser. “De alguma forma eles passam a maneira como gostariam de se vestir, a personalidade que desejam ter, ou seja, é uma forma de se satisfazerem através dos pequenos.”

A psicóloga também explica que a mãe é o espelho da menina, apesar de a pequena ter uma ligação forte com o pai, mas é nela que busca referência de feminilidade, por isso, deve-se tomar cuidado com os exageros. “Ela fará tudo o que vê a mãe fazendo e isso aflorará o seu lado feminino. O problema está quando a mãe insere a filha no ciclo vicioso da moda, pensando que não pode deixá-la fora da tendência ou de como as outras meninas estão se vestindo. É desta forma, sem perceber, que a mãe leva a criança para um lado perigoso.”

Esse perigo está na inicialização que a mãe deu à criança a um mundo de vaidades que ainda não pertence à pequena. “Ela não tem discernimento do que é certo ou errado, por isso terá como parâmetro aquilo que a mãe apresentar a ela e julgará normal vestir-se com minissaias, mostrando partes do corpo sem necessidade”, esclarece Débora.

É por isso que tudo esta ligado à personalidade da mãe. “Se a mãe insiste em maquiar sua filha, em colocar roupas curtas, em ensiná-la a dançar de forma sensual, a criança não terá como fugir disso, porque aprenderá que essa é a forma correta. E assim ela passa a ser aquilo que não é para obedecer à mãe.”

Há coisas que podem não ter problemas, como por exemplo, pintar as unhas. Mas é preciso saber o limite. “A limitação começa quando a criança torna isso essencial e vive em função de sua vaidade. Não quer sair de casa se não estiver de unha pintada ou vestida com a roupa que quer. Isso só acontece porque a fizeram acreditar que deve fazer e viver somente o que agrada aos outros, o que está na moda, o que a mídia impõe.”

Crianças assim indicam que não receberam orientação de seus pais, e cresceram pensando que têm que fazer o que é imposto. “Elas não têm confiança em si e por isso que a dependência da opinião dos outros sempre existirá, já que não tiveram a presença da mãe e do pai com suas orientações do que é certo ou errado para sua idade, crescendo com qualquer influência da sociedade”, enfatiza Débora.

Ela também ressalta que a falta de orientação dos pais e o exagero ao impor que os filhos tenham atitude de adulto antes da hora podem tornar aquela criança uma pessoa com alguns problemas. “Dependendo do que acontecer com ela na infância, ela pode ser frustrada, fútil. Porém, pode acontecer de tudo isso ser somente uma fase e ela crescer com sua própria personalidade, sabendo o que falar e o que vestir, por ver outros exemplos femininos na sua convivência”, finaliza a psicóloga.

Por Tany Souza
tany.souza@arcauniversal.com

"Ensina a criança no caminho em que deve andar, e, ainda quando for velho, não se desviará dele". (Pv 22.6)

Que Deus nos oriente,na Fé!

Um Chute na Heresia



"Os que fazem imagens não prestam, e os seus deuses, que eles tanto amam, não valem nada. Os que adoram imagens são tolos e cegos e por isso serão humilhados. É uma grande tolice fazer uma imagem para ser adorada como se fosse um deus. Todos os que a adorarem serão humilhados ... o homem faz uma imagem, isto é, um deus; depois, fica de joelhos e a adora. E faz esta oração: “Tu és o meu deus; salva-me!” Essa gente não tem juízo. Eles fecharam os olhos e não podem ver nada; fecharam também a sua mente e não entendem nada. O homem que faz imagens não entende nada e não tem a inteligência necessária para dizer a si mesmo: “Ora, com metade dessa madeira eu fiz um fogo; assei o pão, assei a carne e comi. E com a outra metade eu fiz esta imagem nojenta. Agora, aqui estou eu, adorando um pedaço de madeira! Adorar uma imagem não adianta nada; é o mesmo que comer cinzas. O homem que adora imagens não pensa direito, mas vive enganado. Ele não pode se salvar, pois não é capaz de dizer: “Isto que está na minha mão não é um deus coisa nenhuma.” " (Is 44.9-11,17-20)

Este texto fala sobre a idolatria,assunto que muita gente não gosta de tocar existem até pastores que não falam a este respeito para não perder seus fieis ou por medo de serem perseguidos sendo assim,não falam a verdade e muitos de nós também temos se negado a falar. Falamos de muitas outras coisas mas nos negamos a falar de idolatria. Temos familiares presos na idolatria e mesmo sabendo que eles vivem uma mentira,e se eles morrerem assim vão pro inferno e nós seremos culpados mas mesmo assim nós negamos a falar. Desconversamos talvez por medo de perder a amizade, como já disse falamos de muitas outra coisas.

Hoje você tem a oportunidade de dizer que o Senhor Jesus Cristo é o único Deus, que ELE é o Primeiro e o Último e fora Dele não há outro Deus,além Dele não existe outro Deus.

Note que a Bíblia esta dizendo que o idolatra é tão cego que é como se alguém tivesse lhes grudado os olhos e que o seu coração é sem entendimento. Quer dizer que a idolatria é uma abominação contra Deus mas o idolatra é tão cego que não consegue perceber. A religião tem lucrado muito com a idolatria,a religião se alimenta da ignorância,de um povo,a religião quer até que as pessoas se encham de filhos. Por que sera que vivemos num país tão rico e poderoso,mas com um povo tão desgraçado ?? tão pobre ?? tão faminto ?? Isto é reflexo da religião que impera aqui,com a idolatria.

E o que você tem feito será que você tem se omitido ? Sobre mim e sobre você pesa a responsabilidade de falar a verdade!

Por que é que as outras nações nos perguntam: “Onde está o Deus de vocês?”
Nós respondemos: “O nosso Deus está no céu; ele faz tudo o que quer.
Os deuses das outras nações são de prata e de ouro, são feitos por seres humanos.
Eles têm boca, mas não falam; têm olhos, mas não vêem.
Têm ouvidos, mas não ouvem; têm nariz, mas não cheiram.
Têm mãos, mas não podem pegar; têm pés, mas não andam; e da garganta deles não sai nenhum som.
Que fiquem iguais a esses ídolos aqueles que os fazem e os que confiam neles!”

Se você que ser amigo das pessoas fale de um evangelho social,mas o Senhor Disse: Portanto, qualquer que quiser ser amigo do mundo constitui-se inimigo de Deus. Tiago 4:4
Que Deus nos oriente,na Fé!!

Eleições!!! Espinheiros ou arvores frutíferas?

"...Uma vez as árvores resolveram procurar um rei para elas... — Aí todas as árvores pediram ao espinheiro: “Venha ser o nosso rei.” E o espinheiro respondeu: “Se vocês querem mesmo me fazer o seu rei, venham e fiquem debaixo da minha sombra. Se vocês não fizerem isso, sairá fogo do espinheiro e queimará os cedros do Líbano.”...Será que vocês foram sinceros e honestos quando fizeram de Abimeleque um rei?" (Jz.9.8-16)

Para o bom entendedor, o texto bíblico fala por si mesmo. Se está na Bíblia não pode ser contestado. Ponto final!

Me pergunto por que há tantos espinheiros no poder ou interessados nele? Observando as grandes organizações,e especialmente a política de modo geral, não da pra ignorar a "batalha" feroz pelo poder. Seja aberta, velada, ou subversiva. O que vemos é muita gente querendo mandar e poucos interessados em produzir e servir.

Semelhantemente Jesus,enfrentou esse problema com seus discípulos. Eles discutiam quem deles tinha a capacidade para mandar nos outros, quem seria o maior. Conhecemos a resposta do mestre: “Não será assim entre vocês. Pelo contrário, quem quiser tornar-se importante entre vocês deverá ser servo” (Mateus 20:26). Não é necessário comentar. Apenas uma reflexão sincera.

Isso é generalizado? Os lideres estão sob suspeita? É claro que não!. Ter líderes é necessário e imprescindível. Agora! “líderes-espinheiros” são um desastre terrível para os seus liderados. Infelizmente, a maioria dos espinheiros não tem esse conceito de si mesmo. Essa reflexão, não tem destinatário específico.

O grande líder Moisés aconselhado por seu sogro instituiu lideres de grupos. Para libertar o povo de Israel da escravidão no Egito e conduzi-los a Canaã: “Mas escolha dentre todo o povo homens capazes, tementes a Deus, dignos de confiança e inimigos de ganho desonesto. Estabeleça-os como chefes de mil, de cem, de cinquenta e de dez” (Êxodo 18:21).

Note as características que esses líderes deveriam ter: “...capazes, tementes a Deus, dignos de confiança e inimigos de ganho desonesto”. E dentre essas centenas de líderes, havia muito espinheiro, pois diversas vezes Moisés foi afrontado por eles.

Nem todos são lideres. Deus deu diferentes capacidades a Seus filhos e cada um deve fazer a diferença, mantendo-se dentro das características que lhes foram dadas pelo Senhor. Numa organização, o diretor talvez não saiba operar um simples equipamento de produção, mas tem a capacidade de motivar o operador a fazer um de trabalho de excelente qualidade. Se as posições se inverterem, o desastre é certo. Como disse o apóstolo Paulo, cada um permaneça naquilo que foi chamado (1Co 7:24).

Amigos quer enaltecer os bons líderes, aqueles que continuam sendo as árvores frutíferas da parábola e conduzem seus liderados sem deixar de produzir seu próprio fruto de excelente qualidade. Em minha jornada de trabalho fui liderado muitas vezes por companheiros que realmente seguiam as orientações de Jesus. Eram verdadeiros servos. Foi um privilégio e uma bênção trabalhar ao seu lado. Não vou aqui citar nomes mas agradeço a Deus por eles. Também tive espinheiros como chefes. Quem não os teve? Minha esperança e meu desejo é que eles sejam transformados pelo Espírito Santo e que se tornem verdadeiros servos de Jesus.

No dia 7 de outubro vamos eleger governantes municipais em todo país,durante a campanha eleitoral todos se parecem com arvores frutificas,pois os marqueteiros são muito bons em maquiar e promover. Mas cabe a nós decidir na hora do voto se queremos espinheiros ou arvores frutíferas liderando sobre nós.

"E Jotão continuou: — Será que vocês foram sinceros e honestos quando fizeram de Abimeleque um rei?" Meus amigos sejam sinceros na hora de escolher seus representantes para a Câmera Municipal e Prefeitura de sua Cidade, optem por homens que tem compromisso com a verdade,com o evangelho e com a sociedade em geral.

"Quando os justos governam, o povo se alegra; mas, quando os maus dominam, o povo reclama". Prov. 29.2

Pense nisso!!!

Que Deus nos oriente,na Fé!

“Antes que o mundo acabe” Livro que promove preconceito religioso e é recolhido pela DRE de São José do Rio Preto

O mundo acabou para mais este livro
“educativo”.

Autorizado pela Secretaria de Estado da Educação e a Diretoria de Ensino São José do Rio Preto, o livro “Antes que o mundo acabe” de autoria de Marcelo Carneiro da Cunha, estava sendo utilizado nas escolas públicas da região.

Na página 47, consta uma citação injuriosamente pejorativa sobre a IURD:

“Daniel. Aqui também tem tudo isso. Tem todo o tipo de religião aqui, e não tem problema. Até essas coisas tipo Igreja Universal tem, e ninguém se mata por causa
disso”


IGNORÂNCIA OU PRECONCEITO.


Fica clara a falta de conhecimento do autor sobre a importância de uma das maiores obras sociais do Brasil que agrega mais de 2 milhões de pessoas, com recorde na recuperação de mais de 300.000 jovens, livres das drogas e reintegrados à sociedade.
O preconceito vai mais além, instigando leitores juvenis a se insurgirem contra a Instituição Igreja Universal do Reino de Deus:

sabe dessa coisa que anda acontecendo por aqui? Dessas igrejas de televisão? Tinha
um monte de gente bem pobre entrando e saindo... ... mandei eles à...


ANTES QUE O MUNDO ACABE
.

Antes que o mundo acabe em desrespeito, nossos Deputados Estaduais, Gilmaci Santos e Sebastião dos Santos, ambos do PRB/SP, notificaram a Secretaria de Estado da Educação e exigiram a imediata retirada do “livro”.

Em oficio à Secretaria de Estado da Educação, datado em 29/08/2012, a Diretoria regional de Ensino de São José do Rio Preto decidiu pelo recolhimento do material e a
suspensão do projeto.

Instigar a violência, fomentar a discriminação e o preconceito, especialmente entre crianças e jovens em formação é, no mínimo, tirano, retrógrado e criminoso. Manter a liberdade e o direito e fiscalizar as ações do Estado, também são nossas obrigações como representantes.

De: Deputado Federal Antonio Bulhões
Líder do PRB na Câmara dos Deputados

E ainda tem gente na igreja que é contra o envolvimento de seus membros e líderes na politica. Se não fosse nossos representantes o que seria hem?? Será que o livro deixaria de ser utilizado como material pedagógico nas escolas? Acho que não!!

Pense nisso na hora de votar!!!

Tatuagens e piercings com base bíblica - Vejam Só!



Os Prs. ZÉ LIBÉRIO e ALEXANDRE FIRMINO debatem o tema polemico,durante o programa "Vejam Só!" e colocam suas opiniões adversas sobre o tema na Bíblia.



O que você ler daqui pra baixo forma a minha opinião:

Existem provas arqueológicas afirmando que tatuagens foram feitas no Egito, entre 4000 e 2000 a.C. E também por nativos da Polinésia, Filipinas, Indonésia e Nova Zelândia (maori), que se tatuavam em rituais ligados à religião.

A pergunta é: será que as tatuagens nascidas e desenvolvidas pelos povos pagãos tinham algum fundamento bíblico? Do ponto de vista espiritual ou histórico, não. Antes, a essência de sua inspiração foi e é satânica, uma vez que contraria os princípios da fé judaica e cristã.

"Fala aos filhos de Israel e dize-lhes: Quando houverdes passado o Jordão para a terra de Canaã, desapossareis de diante de vós todos os moradores da terra, destruireis todas as pedras com figura e também todas as suas imagens fundidas e deitareis abaixo todos os seus ídolos..." Números 33.51-52.

Chama atenção a ordem: "destruireis todas as pedras com figura...". Ora, se Deus mandou destruir as pedras com figuras, por que Ele permitiria que figuras pudessem ser gravadas no corpo humano, que é o templo do Seu Espírito?

O apóstolo João viu os condenados, que serão marcados sobre a mão direita ou sobre a fronte. Essa marca será do nome da besta ou do seu número: 666 (Apocalipse 13.16-18). Alguns dirão isso não é uma tatuagem! Eu digo que qualquer incisão no corpo tem o mesmo significado.

O corpo do servo do Senhor Jesus é o templo do Espírito Santo. Para que tatuá-lo? Qual o seu benefício? I Coríntios 6.19

Isso como se a Bíblia não fosse clara: "Não fareis incisões na vossa carne por um morto, nem fareis tatuagem alguma no vosso corpo. Eu sou o Senhor". (Levítico 19:28) (versão paulinas)

Daí outros dirão: "isso tá no velho testamento!" e eu digo: "Pois toda a Escritura Sagrada é inspirada por Deus e é útil para ensinar a verdade, condenar o erro, corrigir as faltas e ensinar a maneira certa de viver,a fim de que o homem de Deus seja perfeito e perfeitamente habilitado para toda boa obra." (2 Timóteo 16-17)

O problema é que em nossos dias há um grupo de evangélicos que não têm a Bíblia de fato como lâmpada para os seus pés e luz para o seu caminho (Sl 119.105). Alguns dizem ter a marca da promessa; outros afirmam que crente que tem promessa não morre; e outros gostam da caixinha de promessas. Enfim, vivem em função das promessas! Não descobriram que a Bíblia não é apenas um Livro de promessas; ignoram os seus mandamentos e princípios. A bem da verdade, alguns grupos ditos evangélicos até dizem seguir aos mandamentos da Palavra de Deus. Mas ignoram por completo os princípios bíblicos.

Pelo sentido, as tatuagens tinham sua origem nos cultos pagãos. Acho que a pergunta hoje não é se um cristão pode fazer tatuagens, mas se o Senhor as faria e com qual objetivo. Será para a glória de Deus?

A meu ver, tatuar é querer parecer com os filhos de Baal. Os filhos de Deus não devem jamais querer imitá-los, mesmo que isso contrarie as regras deste mundo podre.

O objetivo é alertá-los quanto ao modismo satânico. Entretanto, para os que foram chamados à salvação e já tinham tatuagens, não há qualquer condenação. Se o Espírito de Deus os chamou estando tatuados, quem somos nós para rejeitá-los? Pelo contrário: sejam todos bem-vindos.

Quanto a mim, vou continuar lutando até a morte para salvar tantos quanto puder, sejam tatuados ou não.

Que Deus nos oriente para servimos a JESUS sem heresias, na Fé!

A luta do comportamento

É claro que somos humanos, mas não lutamos por motivos humanos. As armas que usamos na nossa luta não são do mundo; são armas poderosas de Deus, capazes de destruir fortalezas. E assim destruímos idéias falsas e também todo orgulho humano que não deixa que as pessoas conheçam a Deus. Dominamos todo pensamento humano e fazemos com que ele obedeça a Cristo.(2Cor.10.3-5)

O comportamento do individuo esta pautado no conceito que ele tem do mundo,de si próprio e de Deus. Dependendo do conceito todo comportamento se torna justo por mais terrível que pareça.

"O comportamento é a janela da alma" (Swindoll)

O neuropsicólogo inglês Seán Haldane criou a "Teoria do Comportamento Justificável".
Partindo dai como explicar alguns comportamentos??

Comportamento explica ou mostra quais os valores,conceitos,cultura e espiritualidade de uma pessoa. Então podemos dizer que: Conceitos + Cultura + Visão de mundo = Comportamento.

Nossa visão de mundo tem que ser alterada pra gerar um comportamento que de fato agrade a Deus. "E assim destruímos idéias falsas e também todo orgulho humano que não deixa que as pessoas conheçam a Deus. Dominamos todo pensamento humano e fazemos com que ele obedeça a Cristo".

Para isso é necessário novo entendimento,Paulo diz que destruímos falsas idéias e o orgulho humano,em outras traduções da Bíblia podemos ler,'destruía argumentos, derribava raciocínios'.

No original grego a palavra é "logimos" que traz idéias distintas:Imaginação e lógica.

A Vida com Cristo tem uma lógica. O mundo sem Deus também tem sua lógica. Cabe a mim e a você decidir qual delas queremos seguir.

Lógica da vida com Cristo |X| Lógica da sociedade sem Deus

Relacionada a Deus e sua vontade |x| Relacionada ao homem e sua vontade
Interpreta a vida espiritualmente |x| Interpreta a vida materialmente
Considera a Bíblia como um manual de comportamento |x| Considera a cultura como um manual de comportamento
Se preocupa com o futuro no sentido espiritual |x| Concentra suas preocupações no presente (Tendencia materialistas)
Usa a lógica do conhecimento espiritual |x| Usa a lógica do conhecimento humano
Deus quer |x| Eu Quero

Idéias + Valores criam padrões de comportamento. Nossa luta é exatamente contra esses padrões. Como é essa luta? "É claro que somos humanos, mas não lutamos por motivos humanos. As armas que usamos na nossa luta não são do mundo"

A Luta é espiritual onde,as Armas são Diferentes e com propósitos diferentes.

Na preparação para essa luta envolve submissão a Cristo Jesus,nossos pensamentos,nossas idéias,nossos conceitos precisam estar submissos a Cristo. Somente pessoas submissas a Jesus Cristo terão condições de mudar radicalmente seu comportamento.

Então lembre-se Idéias + Cultura + Conceitos + Visão de mundo + sujeição a Cristo + "Kenosis"(que é um conceito na teologia cristã que trata do esvaziamento da vontade própria de uma pessoa e a aceitação do desejo de Deus) = Novo Comportamento.

Você pode ler Filipenses 2 pra entender esvaziamento.

Nossa regra de comportamento é sermos parecidos com Jesus Cristo e esse é o objetivo principal do "Jejum de Daniel" esvaziamento estamos quase no fim e mais parecido com JESUS. Ah! Que Dia!

Que Deus nos oriente pra servimos a Jesus sem absurdos,na Fé!

Fonte: Esse texto foi adaptado a partir de publicação de Pr.Gimenez - IBB

As raposinhas

Bom Dia! Boa Tarde! Boa noite! Amigos leitores do JESUS SEM HERESIAS quero pedir desculpas pela falta de tempo pra atualizar o Blog. Pois conciliar,família,trabalho,estudos,à Obra e o Blog,não tem sido fácil. Então a partir hoje as atualizações do Blog serão aos Sábados. E sempre com o mesmo objetivo anunciar JESUS sem absurdos.

Todos os dias lutamos e vencemos,por conta da fé e do Espírito que habita em nós.

A vitória exterior da igreja em Pérgamo não refletia o mesmo no seu interior, pois o Senhor a censura, dizendo: "Tenho, todavia, contra ti algumas coisas..." (Apocalipse 2.14)

Quer dizer que enquanto alguns cristãos, em Pérgamo, resistiram de maneira gloriosa ao inimigo exterior, cederam diante do inimigo interior! Justamente aí está a mistura fatal: vitória e derrota!

É a velha história das raposas e das raposinhas. Um homem plantou uma vinha e a cercou com arame farpado para impedir a entrada das raposas, mas eram as raposinhas – as que conseguiam passar pelos buracos – que mais causavam danos ao vinhedo.

Muitos cristãos se preocupam em não roubar, não matar, não adulterar, não cobiçar as coisas alheias, enfim, estão sempre vigilantes quanto às grandes raposas.

As raposinhas, entretanto, passam quase despercebidas: as mentiras e os enganos supostamente insignificantes; as chamadas meias-verdades, que são também meias-mentiras; os desejos do coração, escusos e escuros; os pequenos sentimentos de inveja e de mágoa; os olhos altivos e gananciosos; o orgulho; a prepotência; e a vaidade.

Enfim, tudo aquilo que não se pode notar com os olhos físicos, mas que destrói a comunhão íntima com o Espírito Santo.

Aproveite esse momento do propósito do "Jejum de Daniel" pra eliminar as raposinhas e vivenciar uma comunhão intima com o Espírito Santo.

"A intimidade do SENHOR é para os que o temem,aos quais ELE como amigo lhes ensina as condições da aliança que fez com eles".Salmos 25.14

Que Deus nos oriente na Fé,pra assim servimos a JESUS sem absurdos!!

Essa mensagem foi aptada,mensagem original na Folha Universal.

RESISTINDO À OBRA DE DEUS

Como Janes e Jambres se opuseram a Moisés, esses também resistem à verdade.”
(2 Timóteo 3.8a)

Sempre que ouvimos a palavra “resistência”, nos vem à mente alguma ideia relacionada com ações vibrantes que tentam...de todas as formas impedir que algo aconteça. Mas, na prática, nem toda resistência é assim. Existem processos bem menos ‘vibrantes’, mas igualmente perigosos. O caso de Janes e Jambres é um exemplo típico de uma resistência muito comum em nosso meio. Quando Deus enviou Moisés ao Faraó egípcio, lhe ordenou que Arão jogasse sua vara e essa se transformaria em uma serpente, provando, assim, o poder de Deus. O texto de Êxodo 7.10-12 conta que os magos egípcios fizeram o mesmo, lançando suas varas e essas também se transformaram em serpentes. Janes e Jambres são reconhecidos, nos relatos históricos, como chefes dos sábios e encantadores egípcios. A única diferença é que a vara de Arão – transformada em serpente – devorou as egípcias. Aqueles magos tentaram resistir à obra de Deus, imitando, até certo ponto, o que Deus estava fazendo. Eles queriam abafar ou encobrir o poder de Deus fazendo algo com poder humano. Seria quase uma ridicularizarão a Moisés e ao poder divino.

Conheço pessoas que resistem ao que Deus quer fazer porque, em seu egoísmo e vaidade, creem realmente que não precisam de Deus e que, sozinhos, podem ‘dar conta do recado’. Lembro-me de uma situação em que alguém dizia que não precisava orar enquanto tivesse braços e pernas para trabalhar. Muitos não são tão grosseiros a ponto de dizer isso, mas agem ignorando totalmente o poder de Deus. E, como temem o que Deus quer fazer — da mesma forma como Faraó temia —, tentam igualar a obra de Deus, fazendo com seus esforços aquilo que depende da obra do Espírito Santo do Senhor e, ao mesmo tempo, ridicularizando os que dependem de Deus.
Paulo, ao escrever o texto acima, estava advertindo seu filho na fé, Timóteo, sobre pessoas resistentes. Ele declarou que Janes e Jambres “se opuseram” a Moisés. Oposição é uma linguagem de resistência que acontece de diversas formas. Ao imitar a obra de Deus, Faraó queria ridicularizar Moisés, mas acabou sendo ridicularizado, pois Deus é maior e não há, na face da terra, alguém que consiga imitar o que Deus faz.

Na liderança, sempre encontraremos pessoas resistentes ao que Deus quer fazer. Algumas se oporão frontalmente e serão grosseiras, ríspidas ou até violentas. Mas outras, como Janes e Jambres, usarão outras ferramentas, tentando ridicularizar nossos esforços e se valendo de seu talento natural e capacidade humana. Nossa esperança está no fato de que a obra de Deus prevalecerá! E o que Deus quiser fazer, Ele fará!

Quando Janes e Jambres viram o que Deus estava para fazer, por certo se assustaram e tentaram resistir até onde puderam. Mas a grandeza da obra do Senhor não poderia ser contida por alguns truques e mágicas. O poder de Deus abalaria todo o império egípcio, e novos tempos seriam inaugurados. Essa é a nossa esperança na liderança. Por mais que um ou alguns tentem resistir à obra do Senhor, sabemos que será por pouco tempo, pois Deus é maior. Assim sendo, devemos nos unir a Deus naquilo que Ele está fazendo, sem resistência ou oposição, mas sim nos colocando à disposição, para que Ele nos use.

Uma dica final para lidar com os resistentes: lembre-se de que eles resistem a Deus! Podem se opor a nós, mas é a Deus que estão fazendo resistência. A igreja não é nossa, é do Senhor. Aquele que se opõe a uma liderança erguida por Deus está, na realidade, se opondo ao próprio Deus. Então, deixemos que o Senhor cuide desses opositores e nós nos concentremos na obra que o Senhor nos tem confiado.

De:Guilherme de Amorim Ávilla Gimenez - IBB
www.prgimenez.net

Que Deus nos oriente,na Fé!

Programa para o dia dos pais

No próximo domingo (12) será comemorado em todo o País o Dia dos Pais.Com a chegada da data, muitos filhos vão às compras em busca do presente ideal para agradar ao familiar.

Mas será que os bens materiais entregues pelos filhos aos pais podem substituir o respeito e carinho que faltam em muitos lares?

Em uma busca rápida por notícias de crimes entre pais e filhos é possível se assustar com os casos brutais encontrados de Norte a Sul do Brasil. É como está escrito “Um irmão entregará à morte a seu irmão, e um pai a seu filho; e filhos se levantarão contra os pais e os matarão.” (Marcos 13.12)

Por esse motivo, neste domingo, bispos e pastores da Igreja Universal do Reino de Deus estarão clamando a Deus para que a paz do Espírito Santo reine dentro dos lares e, assim, pais e filhos comemorem a união não apenas numa data específica, mas em todos os dias do ano.

Na mesma Bíblia que Jesus alertou acerca dos sinais dos tempos, Ele também garante que a paz verdadeira pode ser encontrada, basta que você busque por ela. “Deixo-vos a paz, a minha paz vos dou; eu não vo-la dou como o mundo a dá. Não se turbe o vosso coração, nem se atemorize.” (João 14.27)

Compareça com a sua família, neste domingo, em um Cenáculo do Espírito Santo mais próximo de você e experimente ser feliz. Nós estaremos na Rua,Parapuã,1885,Vila Brasilândia,São Paulo,SP

Sim, a felicidade não é fantasia, ela existe, e só depende de você!

Pra refletir! "Quanto mais o homem envelhece, tanto mais se faz viva em seu espírito a imagem que o seu pai imprimiu ali." (Tolstoi)

Que Deus te oriente,na Fé!

Quem é você? É aquele que as pessoas conhecem ou é outro?

Ser cristão é uma tarefa difícil. A partir do momento em que declaramos a salvação, confessando o nome de Jesus, nossas atitudes devem condizer com aquilo que começamos a crer. Ou deveria ser dessa forma.“E, assim, se alguém está em Cristo, é nova criatura; as cousas antigas já passaram; eis que se fizeram novas.” (2Cor.5:17)

Um homem (ou mulher) que se coloca na presença de Deus deve estar aberto para aquilo que Ele quer fazer na sua vida. As atitudes que antes eram corriqueiras, agora devem passar pelo crivo do Espírito Santo para, somente depois, serem ou não feitas. É o caso de quando mentimos. Antes de conhecer a Jesus, existia aquela mentirinha,quase ingênua, e que não trazia consequências para ninguém. Mas agora, ela pode dizer muito sobre você. “A falsa testemunha não fica impune, e o que profere mentiras não escapa.” (Prov.19:5)

O verdadeiro cristão tem sua fé e nada pode tirá-lo disso, nem mesmo o companheiro, o ambiente de trabalho, os amigos ou os familiares. Ele nunca fica em cima do muro, sempre tem algo a dizer, e isso sempre será radical. “Acima de tudo, porém, meus irmãos, não jureis nem pelo céu, nem pela terra, nem por qualquer outro voto; antes, seja o vosso sim sim, e o vosso não não, para não cairdes em juízo.” (Tg.5:12)

Uma pessoa que tem sua fé firmada, crê na Palavra de Deus e dela não sai. Há aqueles que mudam de ideia no meio do caminho e esquecem do que Ele fala, esquecem de ser sim ou não, esquecem do juízo. E esse juízo não é somente aquele que todos temem: o dia do juízo final, mas também o que as pessoas pensarão sobre o que é ser cristão olhando a sua vida de desequilíbrio e dúvidas. Quando acontece algo de ruim com alguém com quem você se desentendeu, você se compadece ou aplaude? No seu coração reina o amor ou o ódio? “Está alguém entre vós sofrendo? Faça oração. Está alguém alegre? Cante louvores. Está alguém entre vós doente? Chame os presbíteros da igreja, e estes façam oração sobre ele, ungindo-o com óleo, em nome do Senhor.” (Tg 5.13-14)


A Bíblia não diz para repudiar, aplaudir, não ajudar, o contrário, é nessas horas que você tem que mostrar o amor de Deus através da sua vida. Jesus nunca viraria as costas para uma pessoa que sofre, que está doente, e é isso que também temos que fazer. Em vez de cultivar ainda mais o ódio, chame a pessoa e confesse o que sente, abra-se para ela, peça perdão, dê as mãos, abrace, ore. Com certeza esse será um momento inesquecível e ela ainda pode se tornar sua melhor amiga. “Confessai, pois, os vossos pecados uns aos outros e orai uns pelos outros, para serdes curados. Muito pode, por sua eficácia, a súplica do justo.” (Tg 5:16)

É claro que é um processo de cura complicado, somos seres humanos, mas também somos pessoas cheias da presença de Deus e devemos testemunhar o Seu amor, devemos deixar o nosso “eu” de lado e deixá-Lo agir. “Convém que Ele cresça e que eu diminua.” (João 3:30)

Se há na Palavra tantos exemplos de homens que viveram segundo a vontade de Deus, é porque é possível. Mesmo em um contexto histórico diferente, com outras necessidades e o desenvolvimento latente, não é impossível praticar o significado real da palavra cristão – aquele que crê e vive em Jesus Cristo.

Não desanime pensando que é difícil. Quando nos abrimos para o novo, o que é difícil torna-se facilmente possível. É só se abrir para isso. “Porque eu, mediante a própria lei, morri para a lei, a fim de viver para Deus. Estou crucificado com Cristo; logo, já não sou eu quem vive, mas Cristo vive em mim; e esse viver que, agora tenho na carne, vivo pela fé no Filho de Deus, que me amou e a si mesmo se entregou por mim.” (Gl.2:19-20)

Por Tany Souza
tany.souza@arcauniversal.com

Que Deus nos oriente,na Fé!

Porque JESUS SEM HERESIAS? O que isso significa?


Durante esses quase três anos de existencîa do Blog tenho ouvido e recebido por e-mail esse tipo de questionamento. Então para lucidar as duvidas vamos primeiro entender o que é heresias.

A palavra grega (hairesis), que literalmente significa "escolha", é usada no Novo Testamento para designar uma seita ou facção, Por exemplo, os saduceus eram uma seita dentro do Judaísmo (Atos 5:17), assim como eram os fariseus (15:5).

Daí entedemos que heresia é qualquer ensino que se afasta dos ensinamentos normais de uma tradução religiosa. Em particular, isto se refere a grupos dentro do Cristianismo que ignoram alguns de seus elementos básicos.

A palavra "heresia" veio a significar o ensino particular que causava a separação do Cristianismo. Assim, Pedro exortava os cristãos sobre vários falsos mestres que tentariam demover os fiéis com seus ensinos heréticos (2Pedro 2:1). Na era moderna, esta é a forma como a palavra "heresia" é normalmente entendida; é incomum e/ou falso ensinamento aquele que prejudica a fé e também causa facções distintas dentro da igreja. Alguns exemplos de hereias são "unção de leão","cair pelo poder"," não vista isso","não comeis aquilo","guardem o dia tal","não precisa sacrificar",na barra lateral do Blog temos a coluna "EM QUE CREMOS" o que fugir disso também consideramos heresias e por aí vai.

Quando inicialmente muitos judeus creram que Jesus de Nazaré de fato era o Messias, eram conhecidos como "a seita dos Nazarenos" (24:5). Em cada um desses versos, a palavra hairesis não é usada para insultar - ela significa meramente uma seita, um pequeno grupo dissidente que se separou do Judaísmo ou do Cristianismo.

Depois que a igreja cresceu e se desenvolveu,qualquer grupo faccioso dentro de uma igreja local foi chamado de heresia - isto é, era uma seita que detinha certas opiniões contrárias às verdades estabelecidas pelos apóstolos. Em vista disso, Paulo disse à igreja em Corinto que seitas deveriam se desenvolver entre eles como uma forma de separar o falso do verdadeiro (I Corintios 11:19).

A palavra heresia é utilizada pela Igreja para definir o que é uma doutrina contrária à Verdade revelada por Jesus Cristo,ou seja,que é uma "deturpação,distorção ou má-interpretação" da Bíblia,dos profetas e de Jesus Cristo. A própria Bíblia fala sobre a "aparição de heresias", " Elas são: a imoralidade sexual, a impureza, as ações indecentes, a adoração de ídolos, as feitiçarias, as inimizades, as brigas, as ciumeiras, os acessos de raiva, a ambição egoísta, a desunião, as divisões, as invejas, as bebedeiras, as farras e outras coisas parecidas com essas. Repito o que já disse: os que fazem essas coisas não receberão o Reino de Deus." (Gálatas 5:20).

Agora que entendemos heresias devemos entender os dogmas do evangelho ou seja,a sã doutrina que nada tem haver com normas e costumes tradicionais,impostos pelas religiões.O que vamos ver apartir de agora é o que realmente DEUS cobra da sua igreja e do seu povo. Veremos que é muito mais do que normas e costumes,é a sã doutrina! Que não se baseia em heresias.

O Apostolo escrevendo aos colossenses no cap.2 apartir do verso.8 enfatiza que famos circuncidados por CRISTO e não por mãos de homens,então fomos resuretos por ELE para viver para ELE,e não para as ordenanças dos homens e religiosos. veja os versos.16-23 de Colossenses,ele diz ninguém vos julque ninguém se faça arbitro.

Logo no cap. 3 já apartir do verso 1 ele nos exorta a buscar as coisas lá do alto, seque no verso 5 pedindo,para sepultarmos a nossa natureza terrena,fazendo então com que haja uma mudança interior,que pode ser vista até no falar veja o verso 8 e 9 de Colossenses 3.

Depois ele nos adverte a cultivar as virtudes ensina os deveres familiares,como submição da mulher ao homem,o amor do marido a sua esposa,a obediencia dos filhos aos pais e até o trabalhador a trabalhar para o seu patrão,como se o fizesse ao próprio DEUS, também aos patroes a tratar seus colaboradores como se a DEUS fizese veja os versos 18 até o 25,tudo isto em Col.2 e 3.

Nas cartas à Timóteo o Apostolo fala com vigor sobre a sã doutrina deixando claro que as leis não são para os justos e sim para os injustos (1Tm.1.4-10).
No cap. 2 de 1Tm ele resalta que DEUS quer salvar a todos veja versos 3 até o 10.
No cap. 6 do mesmo livro o Apostolo diz:"não deis creditos a quem não traz consigo a sã doutrina" veja os versos 1 ao 5.

Na carta aos hebreus o Apostolo nos adverte"a não sequir varias doutrinas e ensinamentos diferentes...É bom ser espiritualmente forte por meio da graça e não por regras..."(Hb.13.9).

Conclusão!
A quase três anos O "JESUS SEM HERESIAS" é uma opção de fé na internet ,longe de querer pregar uma religião ou uma placa de igreja. No "JESUS SEM HERESIAS" você vai encontrar textos,mensagens que edificam à fé conciente e inteligentemente, sem ditar regras e preceitos de homens,sem doutrinas opostas aos dogmas do evangelho pleno,sem disparate,sem absurdos,sem refutação,sem idéias contrarias,e sem repater o evangelho. Somente com luz na que é 'viva e eficaz,e mais penetrante do que espada alguma de dois gumes,que penetra até à divisão da alma e do espírito,e das juntas e medulas,e é apta para discernir os pensamentos e intenções do coração'." (Hebreus 4 : 12) A saber a palavra de Deus . Sabendo que não é bom "..sequir varias doutrinas e ensinamentos diferentes...É bom ser espiritualmente forte por meio da graça e não por regras..."(Hb.13.9)

Com esse texto espero ter ajudado a eliminar dúvidas.

Que Deus te oriente,na fé !

Onde Será a Morada da Sua Alma? - NOITE DA SALVACAO.




A Morte!
Ela vem quando você menos espera,
Em uma diversão,em um passeio,em uma viagem,
No trabalho,em uma aventura,no trânsito.

Muitos até escapam da morte!
Mais ela é inevitável! Uma hora ela chega!
O ser humano não pode prever a sua chegada.
Ela é implacável! Impiedosa! Ela é inadiável!

Quando você menos espera ela aparece.
De repente! E não deixa tempo para arrependimento,
E não deixa tempo para corrigir os erros.

Mas o problema não é morrer!
Pois um dia todos iremos.
Mas o problema é, pra onde ira sua alma?

A pessoa entra e sai do cemitério sem pensar,
Que um dia ela vai entrar e nunca mais sair.
O cemitério será a morada do nosso corpo.
Mas onde será a morada da sua alma??

"...aos homens está ordenado morrerem uma só vez, vindo, depois disto, o juízo," (Hb.9.27)


"Ou não sabeis que os injustos não herdarão o reino de Deus? Não vos enganeis: nem impuros, nem idólatras, nem adúlteros, nem efeminados, nem sodomitas, nem ladrões, nem avarentos, nem bêbados, nem maldizentes, nem roubadores herdarão o reino de Deus. Tais fostes alguns de vós; mas vós vos lavastes, mas fostes santificados, mas fostes justificados em o nome do Senhor Jesus Cristo e no Espírito do nosso Deus." (1Cor. 6.9-11)


"Agora, pois, já nenhuma condenação há para os que estão em Cristo Jesus." (Rm. 8.1)


Que Deus nos oriente,na Fé!


Jesus veio gerar amigos


"Vale mais um amigo perto do que um irmão longe". Provérbios 27:10

Amigo se refere a uma pessoa querida com quem se compartilha momentos de amizade. Alguém em quem se confia naturalmente. O homem vive em um mundo onde precisa e deve se comunicar e partilhar com todas as pessoas. O círculo de amigos se estende já ha alguns anos a esfera virtual,são pessoas que nunca vimos pessoalmente,mas que por conta das redes sociais,conhecemos,teclamos,abordamos e discutimos diversos assuntos. E é com os amigos que muitas coisas são discutidas. É com eles que há segurança em abrir o coração.

Um amigo verdadeiro suporta até as incompreensões do outro, mas falará sempre a verdade. A valorização de uma amizade verdadeira é um dos princípios do Reino de
Deus. Jesus veio gerar amigos, não somente servos.

"Já não vos chamo servos, porque o servo não sabe o que faz o seu senhor; mas tenho-vos chamado amigos, porque tudo quanto ouvi de meu Pai vos tenho dado a conhecer. Não fostes vós que me escolhestes a mim; pelo contrário, eu vos escolhi a vós outros e vos designei para que vades e deis fruto, e o vosso fruto permaneça; a fim de que tudo quanto pedirdes ao Pai em meu nome, ele vo-lo conceda."(João 15:15)

Lembre-se!! Um amigo verdadeiro sempre fará o outro enxergar ao Senhor Jesus como prioridade de vida.
"Quem anda com os sábios será sábio, mas quem anda com os tolos acabará mal". Provérbios 13:20

"Algumas amizades não duram nada, mas um verdadeiro amigo é mais chegado que um irmão".Provérbios 18:24

Feliz dia do amigo!!

Que Deus nos oriente,na seleção de nossas amizades!

Na Fé Sempre!

Líderes evangélicos entre os mais votados em O Maior Brasileiro de Todos os Tempos do SBT


Um líder,grande orador. Um homem que leva a palavra de Deus a milhões. Bispo Edir Macedo é o líder espiritual da Igreja Universal do Reino de Deus, congregando milhões de fiéis em mais de 170 países do mundo. Além disso, é escritor evangélico, com 34 títulos lançados. Bispo Edir Macedo um dos maiores brasileiros de todos os tempos.

Pastor Silas Malafaia é o líder da Igreja Assembleia de Deus Vitória em Cristo. Um pastor cheio de personalidade, bom humor e opinião. Há 30 anos, Silas Malafaia entra na casa das pessoas através de seu programa de TV, levando a palavra do Senhor.

Apóstolo Valdemiro Santiago é o fundador da Igreja Mundial do Poder de Deus.

O fundador da Igreja Internacional da Graça de Deus. Um capixaba de fé. Quando criança, ele sonhava evangelizar através da TV. Hoje em dia, seus cultos são exibidos em vários canais no Brasil e no mundo.Missionário RR Soares. Um pregador moderno.

A palavra de Deus sempre esteve presente na sua vida. Filha de cristãos, Ana Paula Valadão é a fundadora e líder do Ministério de Louvor Diante do Trono. Essa cantora de sucesso no segmento gospel, já vendeu milhares de CDs e DVDs com sua mensagem de amor e fé. Seus fãs e seguidores mostraram sua devoção a essa brasileira inspiradora.

Por muito pouco o Bispo Edir Macedo não segue na disputa entre os 12 finalistas do Programa ísso mostra mais uma vez a força dos evangélicos no Brasil .

Sobre o Programa:

Baseado no formato criado pela BBC, "The Greats", o programa elege aquele que fez mais pela nação, que se destacou pelo seu legado à sociedade. Diversos países já apontaram os seus maiores representantes. Agora é a vez do Brasil. Na primeira fase do projeto, os internautas participaram de forma democrática, indicando o seu favorito livremente. Foram 1.293.691 votos únicos. Na primeira etapa, os telespectadores conheceram alguns dos candidatos mais votados. E a cada episódio, ao lado do jornalista Carlos Nascimento, a história e a obra dos finalistas serão contadas, sempre com a presença de diversos convidados e a participação ativa do público. O SBT propõe que o povo brasileiro faça uma pausa nas suas atividades diárias para pensar sobre isso. Que a resposta não seja imediata, mas pensada e refletida, lembrando da história da nossa nação, dos momentos marcantes e importantes e não apenas de quem está na mídia agora. Durante 12 semanas, o voto do público decide quem segue na disputa. E, ao final, chegará o grande momento: a escolha será feita. O país terá eleito, finalmente, "O Maior Brasileiro de Todos os Tempos".

Fonte: SBT

Intolerência Religiosa,terrorismo religioso ou mais uma do Grupo Folha?

O portal UOL colocou em sua home uma chamada para um vídeo, com o seguinte título: “Evangélicos tentam invadir terreiro em Olinda”. Ao entrarmos na notícia, aparece em destaque: “Intolerência Religiosa”. Porém, ao assistirmos às imagens, só podemos concluir que intolerante é forma como o portal tratou o assunto.

Friamente, só é possível ver um babalorixá lançando palavras inflamadas contra um grupo de pessoas que caminha em procissão à sua frente. Invasão? Nenhuma. Nada. Nem mesmo um esboço. Por que tamanho escarcéu?

O vídeo, gravado pela suposta “vítima”, não corresponde à notícia. Nada justifica o tratamento dado pelo portal. A não ser, claro, que o tal “terrorismo religioso” seja a descarada campanha que o Grupo Folha move contra aqueles a quem elegeu como inimigos.

Toda manifestação de fé merece respeito quando exercida dentro da lei e da ordem. Espalhar o pânico, patrocinar antipatias, tratar o outro de forma desigual: é isso que a tal reportagem promove.

Acirrar ânimos contra a população evangélica é uma estratégia perigosa e irresponsável, ainda mais quando encoberta pelo manto de um falso jornalismo. Melhor seria tomar cuidado e respeitar as crenças alheias, para que todas possam conviver pacificamente.

Veja os vídeos exibidos pelo UOL:

Cristãos agredindo Terreiro de Candomblé por perolasblogs no Videolog.tv.



Intolerância religiosa gera revolta - vídeo por perolasblogs no Videolog.tv.


De:O Provocador
http://blogs.r7.com/o-provocador

Éh! Me parece mais uma do Grupo Folha!


Que Deus nos oriente,na Fé!
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...